Livros publicados:

A transnacionalidade do rio Paraná sob a ótica do Direito Internacional

(2017)

O rio Paraná é objeto de estudo do Direito Internacional por ser um curso d’água transfronteiriço.

Em 2015, uma Resolução das Nações Unidas estabeleceu os direitos à água potável e ao saneamento básico como componentes do direito a um padrão adequado de vida e essenciais ao direito à vida e a todos os direitos humanos.

Com isso, ainda mais relevante torna-se a discussão sobre o regime jurídico das águas transfronteiriças, que apresentam desafios ao Direito Internacional por suscitarem dúvidas quanto à forma de sua utilização e resolução de eventuais conflitos envolvendo diversos Estados.

Catarse

(crônicas do cotidiano)

(2019)

Engolidos pelo andar acelerado da vida, os sentimentos não expressados vão se acumulando, inertes, tornando nossa trajetória muito menos significativa, descolorida.

Por isso é importante que realizemos uma catarse, uma liberação desses sentimentos.

É aí que entra a escrita.

Escrever não é somente um ato catártico, de liberação emocional: é forma de eternizarmos a emoção que nos humaniza, gravando o carinho com tinta indelével não só no papel que o recebe, mas também nos corações dos interlocutores.